sábado, setembro 15, 2007

Jorge Palma no Porto Sounds

A primeira noite do Porto Sounds terminou com um arrebatador concerto de Jorge Palma, muito bem acompanhado pelos seus Demitidos habituais, aos quais se juntou Pedro Vidal, guitarrista dos Blind Zero, além da presença obrigatória do Vicente Palma. Fiquem atentos aos próximos concertos e ouçam com bastante atenção os duetos de Jorge e Vicente Palma nas canções " Abrir o Sinal" e " Gaivota dos Alteirinhos", onde nos aparece de forma surpreendente Vicente Palma ao piano e o Jorge na guitarra/voz....um momento grandeee da noite.....


Cá fica mais um alinhamento desalinhado desta noite:
O meu amor existe
Meu amor ( não fiques para aí a dormir)
Escuridão ( vai por mim)
Tempo dos Assassinos
Norte (o meu)
Dormia Tão Sossegada
Voo Nocturno
Vermelho Redundante
Frágil
Centro Comercial Fechou
Estrela do Mar
Passos em Volta
Abrir o Sinal
Gaivota dos Alteirinhos
Maçã de Junho
Na Terra dos Sonhos
Jeremias, o Fora da Lei
Bairro do Amor
Encosta-te a Mim
Dá-me Lume
Disse Fêmea
Rosa Branca
Cara d'Anjo Mau
Portugal, Portugal
Deixa-me Rir
A gente vai continuar

"Jorge Palma e o concerto no Porto Sounds 2007
“Assim é que dá pica!”
Um extraordinário e longo concerto de Jorge Palma fechou da melhor maneira a primeira noite do Porto Sounds 2007, no Parque da Cidade, na estreia do formato de dois dias. Orangotang e Souls of Fire abriram as hostilidades do festival que terminou esta madrugada. ”É muito bom. Assim é que dá pica”. Instantes após terminar a actuação que protagonizou no primeiro dia do Porto Sounds 2007, Jorge Palma comentava assim o concerto em que, durante mais de duas horas, desfiou temas novos e antigos do seu longo, vasto e bastante rico repertório.
Num concerto pleno de intimidade com o público, que cedo se rendeu à beleza das criações do autor de «Voo Nocturno», álbum editado em Julho, Jorge Palma terminou com um aviso: “Enquanto houver estrada para andar/A gente vai continuar/Enquanto houver estrada para andar/Enquanto houver ventos e mar/A gente não vai parar” [«A Gente Vai Continuar»].
Mas esse aviso só pode deixar todos os que gostam das suas músicas satisfeitos, pois o trovador errante está cá para continuar.
“Enquanto houver estrada para andar?… Claro, é tão bom. E por acaso estamos bem servidos de estradas”, referiu de forma irónica.
Palma entrou em cena só, mas logo ao segundo tema ficou acompanhado por Os Demitidos, banda que o acompanha ao vivo e participa nas gravações dos discos.Relativamente a isso, de «Voo Nocturno» saiu o já famoso «Encosta-te a Mim», single de apresentação do novel álbum, mas também «O Centro Comercial Fechou», entre outros temas.
Mas uma carreira feita de grandes canções dá sempre um concerto de grande qualidade. Mais ainda com Palma a entregar-se de alma e coração ao espectáculo.“Vi sorrisos tão bons… Vi isto cheio de malta porreira e deu-me um gozo enorme este power de tocar com este pessoal”, disse ao JANEIRO no final das cerca de duas horas e um quarto de concerto.
«O Bairro do Amor», «Jeremias, O Fora da Lei», «Deixa-me Rir», «Cara D’Anjo Mau», «Dormia Tão Sossegada», «Estrela do Mar», «Frágil», «Na Terra dos Sonhos», ou «Portugal, Portugal» foram algumas das pérolas, entre muitas outras – duas horas e um quarto dá para muita (s) música (s) –, que Jorge Palma tirou, ora do piano, ora da guitarra, ora a solo, ora com Os Demitidos, ora em duo com o seu filho Vicente – através do qual é possível ouvir a (eventual) voz límpida do pai Jorge.
No final que dizer, excepcional! Como é possível tal empatia, entre músico e o público; entre o músico, o público e a música; enfim, entre todos os elementos físicos e metafísicos presentes no Parque da Cidade. Salvé, senhor Palma!
Antes, Orangotang e Souls of Fire aqueceram e animaram o público, formado por diferentes faixas etárias e tribos, que não se cansou de aplaudir os artistas. Depois, Dj Miguel Rendeiro disparou beats house em todas as direcções, num claro apelo à dança… mais frenética."
Artigo de Pedro Vasco Oliveira in O Primeiro de Janeiro

9 comentários:

ÁguaDiCoco disse...

Olá Palmaníacos!
grande concerto...só com o friozinho do Porto é que a minhota aqui não contava... =P
Bem, sobre o teu alinhamento Tiago penso que foi isso. Senti falta de algumas.. "Essa míuda" e "Canção de Lisboa" que adoro tbem...(ou estaria distraída??)
Mas ouvi a "Meu amor existe".. "So"..."Estrela do Mar".."Terra dos sonhos".."Tempo dos assassinos".."A gente vai continuar".. e claro, o "Fora da Lei" que adoro cantarolar! hehe
Preciso dizer que o "Dá-me Lume" é o meu album preferido..?? lol Acho sem dúvida o melhor. Deste novo confesso que ainda não o tenho.. Mas gostei da que anda aí a tocar em todo o lado "Encosta-te a mim". O video-clip esta muito bom.
Até ao próximo concerto!

Vitor disse...

Estive lá e não estava à espera que corresse tão bem. Devo confessar que já o vi bem mais sóbrio a tocar bem pior. O Palma está em forma. Já agora, alguém gravou? Isso sim, era de valor.

shiuuuuuuu! É segredo!! disse...

Uma grande noite...pena não o terem deixado continuar pela noite fora, eu sei que ele queria!!

Obrigado Palma

cristina disse...

A agenda de ontem era demasiado rica... Pena não poder estar em todo lado ao mesmo tempo... Rever Palma teve de ficar para outra altura...

Já agora, não é para mim, mas como vocês gostam de estar em cima da agenda do senhor, e ainda não vi informação por aqui, cá vai:

«
Jorge Palma no Metro!

O Metropolitano de Lisboa no âmbito da Semana da Mobilidade partilha com os seus clientes um programa de animação que consiste num Concerto de Jorge Palma, um dos mais carismáticos artistas nacionais, que será acompanhado pela sua banda "Os Destemidos".

A estação Cais do Sodré servirá de palco para este espectáculo, a realizar no dia 20 de Setembro às 17:00, de entrada gratuita. O Concerto decorrerá ao nível do átrio da estação.
»

Pollyana disse...

Adorei, adorei, adorei. e tenho dito.

Cara de Anjo Mau disse...

Mais uma vez o concerto foi BOM, a companhia excelente e a noite valeu a pena ... até um próximo ... em breve, espero!!

Jotta disse...

Vítor, gravei sim!

vê aqui:
http://www.youtube.com/watch?v=9i5rGfrbB3g

São um total de cinco vídeos da actuação do Palma, tendo o link de um, depois facilmente encontras os outros ;)

Dá também uma olhadela no meu blog acisum.blogs.sapo.pt, tem lá fotos do concerto também...

Vitor disse...

Obrigado, Jotta, por acaso já tinha visto esses vídeos no youtube (os teus e não só, digo-te já que não foste o único a gravar parte do concerto). Mas eu estava a referir-me a uma gravação áudio do concerto todo (aquela palavra que as editoras não suportam que começa em "boot" e acaba em "leg"). Já agora, fica aqui o apelo: se ainda não existir um bootleg recente (com o JP acompanhado pelos Demitidos) ALGUÉM FAÇA UM, por favor. Os fãs merecem, pelo menos enquanto não houver um disco oficial ao vivo (para além do "tempo dos assassinos", claro).
Um abraço

Pretazeta disse...

esqueceram-se de dizer a frase da noite "isto é uma grande equipa". :)


Ele estava mesmo feliz por ali estar e o what´s up duck só foi o pico ;)

Volta sempre ao porto....:)