sábado, maio 30, 2009

Jorge Palma no Rock in Rio 2010

Hoje começa a contagem decrescente para o Rock in Rio 2010 onde Jorge Palma  muito provavelmente estará presente. Para assinalar a data, a noite inicia-se no Hotel Altis Tejo pelas 21 horas, com uma jam session para convidados e parceiros do evento, onde participarão vários artistas entre os quais Lúcia Moniz, Boss AC e Jorge Palma.

O fim do Verão - Jorge Palma

Depois chegou a escola, outro liceu, e quando chegou o fim do verão sobre a praia a gente tem de se deixar, talvez p'ra sempre.

Deu um pontapé numa folha e saiu-lhe uma pedra, daquelas saídas do chão. Teso, demasiado novo, à mercê dos ídolos. A miúda deu-lhe com um sorriso, o chavalo mais velho ganhou-lhe fortunas ao poker, imaginárias pois, que o pai mandou-o p'ra outro país imaginário ainda. Era o tempo dos gatos selvagens, o cavalo chegou-se à égua, ela a escoicear, ele a empinar e o puto a cair e a desmaiar. Depois chegou a escola, outro liceu, e quando chegou o fim do Verão sobre a praia a gente tem de se deixar, talvez p'ra sempre. Esquecer essa praia é difícil, deram cabo dela, não era uma praia, era uma fronteira linda entre areia e mar, sem barreiras. Homem a cantar na praia, no colégio interno, porque muita gente se estava a portar mal, putos a aprender física, matemática, música, e a esquecer essa praia, e os primeiros beijos sempre às escondidas nalguma folha de geografia. E ao lado dos soldados a caminho da guerra, ao som de B-Gees (Massachussets), sempre no fim do Verão, o miúdo a tentar ser desvirginado, até que conseguiu nalguma esquina malvada, um pouco tarde, entre o Sul e o Norte, na verdade não se sabe bem, mas foi mais pró centro. Quando lhe disseram que tinha uma obrigação, foi passear até à praia, esse puto não acredita no fim do verão.


Autor: Jorge Palma
in 365, nº26, Maio 2008
Fotografia:
"Na Palma da Mão" - Biografia

quarta-feira, maio 27, 2009

Festas !


Há 30 anos que o disco "Qualquer Coisa Pá Música" foi lançado (1979). Neste terceiro de originais, encontram-se temas como: Quero o Meu Dinheiro de Volta, Terra dos Sonhos, Essa Miúda, Tu És um Lindo Rapaz, Maçã de Junho e Acorda Menina Linda. (Reparando bem, o Jorge tem seguido um pouco esta linha nos últimos concertos.)

Mas, não foi "só" pa isso que eu vim cá.

Além destes Parabéns, tenho de perguntar:

O que têm em comum Jorge Manuel de Abreu Palma, Adolfo Luxúria Canibal (dos "Mão Morta"), Sérgio Godinho, Mariza e Rui Reininho?
Entre outros, estes ícones da música portuguesa vão encerrar as FESTAS DE LISBOA, no próximo dia 15 de Julho, às 22h, na Torre de Belém, com um concerto intitulado "QUALQUER COISA PÁ MÚSICA" (Cá pra nós, bela maneira de comemorar os 30 anos do álbum!) Entrada livre.
Segundo o Blitz:
Que tal um encontro Palmaníaco, dia 15 de Julho, algures em Belém?

domingo, maio 24, 2009

"Qualquer coisa para" o Palma!

Bonjour PALMANÍACOS (= MANÍACOS POR PALMA, com tudo o que isso possa significar, para o bem e para o mal).

Partilhem as imagens que vos inspiram. A ideia é vocês enviarem para o e-mail do blog (ladoerradodanoite@hotmail.com) uma foto que vos lembre uma música do Jorge Palma.

Aqui vos deixo um exemplo:

"Ainda Há Estrelas no Teu Olhar"


Sei que estás a sofrer,
Que o teu homem foi-se embora outra vez,
Partiu como um furacão
E tu só pensas no bem que ele te fez...
Tentas dormir
Mas o teu sono parece ter voado com ele
E a noite colou-se às tuas costas,
Tão escura como um pesadelo.
Mas, ouve bem, meu amor:
Não é tarde para sorrires outra vez.
Ainda há estrelas no teu olhar.

in 'Té Já (1977)

(Foto "azulejada" tirada numa fachada perto do Marquês de Pombal, em Lisboa. Associei esta imagem, que retrata as viagens dos portugueses pelos Descobrimentos, à música "Ainda há Estrelas no teu Olhar". A música provavelmente referia-se às viagens para a Guerra do Ultramar, que obrigaram muitos homens a partir e a deixar as suas mulheres...de qualquer maneira, na foto estão "uma espécie de" anjos no céu a orientar as estrelas para os viajantes. Poderiam ser eles a dar as estrelas a tantos olhares desorientados?

***

Tirem o pó às vossas máquinas e toca a fotografar! Não se esqueçam que uma ligação a uma música do Palma é crucial! Sejam criativos ou poéticos...e expliquem a vossa opção. (E nada de pesquisar no Google Images.)

Escusado será dizer que as propostas mais inspiradoras têm direito a publicação e a uma pequena surpresa... ;)

Contamos convosco! Porque uma imagem vale mais do que 1000 palavras.

sexta-feira, maio 22, 2009

Fórum Palmaníaco

Pouco depois do concerto no Fórum Lisboa, eis que surge mais uma iniciativa para dinamizar o blog. Já devem ter reparado que foi criado o FÓRUM PALMANÍACO - mais um canto onde todos estão convidados a participar. Enviem sugestões, críticas, ideias, apreciações...queremos conversar com mais Palmaníacos!

Cliquem aqui ou na mesma imagem que está à vossa direita (no blogroll) para entrar.

"Epá, deixa-me abrir contigo

desabafar contigo

(...)

Eu sei que tu compreendes bem."

sexta-feira, maio 15, 2009

Jorge Palma no Fórum Lisboa

14 de Maio no Fórum Lisboa, 35º aniversário da SPGL (sindicato de Professores da grande Lisboa) com Pedro Caldeira Cabral a dar inicio ao espéctaculo na guitarra Portuguesa. Aquele que gravou a versão original da canção de Lisboa do álbum Asas e Penas fez desfilar na guitarra o fado de Coimbra, o de Lisboa, as influências de Carlos Paredes, as cores destas cidades, numa mui digníssima abertura de hostes. Entre discursos curtos (coisa rara) de parabéns aos presentes pelo aniversário do sindicato entrou Jorge Palma dentro de nuvens de fumo coloridas.

Aquela voz, aquela entrada tímida sussurrando no piano a medo a tremenda emoção contida naquela identificação com Bob Dylan, primeiro tema da noite “ Tomorrow is a long time”.

Seguiram-se essa miúda perseguida por um lobo malvado, e tal azafama, acordou a menina linda que numa ligação cruzada com os Dubliners e com o fotografo Palmaníaco oficial resultou num Wild Rover Trio!

Repetidos um clássico alinhamento, e uma postura elegante e descontraída, acompanhado pela excelência de Vicente Palma e Gabriel Gomes, Jorge Palma trio foi ao encontro das expectativas do público do fórum maioritariamente constituído por professores, ou não fosse esta a festa de aniversário de um sindicato desta classe.

Jorge Palma esteve bem: cantou, vibrou, contou o enorme prazer que continua a mover as suas palavras e a sua música... fez rir e riu...

E no fim foi mais um Jorge, contra todo o vento, contra todas as adversidades do tempo, contra todas as pedras do caminho… Um sobrevivente nato, um musico de excepção…

Um amigo!

Obrigado por tudo, Obrigado Jorge.

Enquanto houver estrada para andar...

Reportagem de: André, Gustavo e Rita

Reportagem Fotográfica com som de Concerto (1a faixa)

video

quarta-feira, maio 13, 2009

Jorge Palma no Fórum Lisboa


É já amanhã o concerto de Jorge Palma, pelas 21 horas, no Fórum Lisboa, onde será acompanhado por Vicente Palma e Gabriel Gomes.
A primeira parte contará com a participação de Pedro Caldeira Cabral.

Bilhetes à venda para o público em geral (15euros) na Ticketline e nas delegações do SPGL para sócios (10 euros).


Noite em Coimbra - All Stars Band

Foi no passado dia 9 de Maio, que Coimbra e o Porto se ligaram através de um laço entusiástico que colocava o Blogue Palmaníaco na mira de uma noite inesquecível, de um exclusivo sem igual, de uma experiência marcante, de uma história para contar.
Chegados a determinado hotel daquela cidade, demos por nós no backstage da Queima das Fitas… Demos por nós a acompanhar por dentro tudo aquilo que sempre vimos por fora, que sempre esteve bem dentro da nossa curiosidade. De facto é um privilégio acompanhar Jorge Palma nas horas antes de um concerto, é aquilo que qualquer fã pode querer e é algo que se tornou real sem nem sequer ainda o parecer ser.
Jorge Palma actuou incluído no conceito All Stars Band que reuniu diversos convidados desde: Lúcia Moniz, Sérgio Godinho, Coll Hipnoise a Boss AC.
Jorge Palma, assim como os outros artistas estiveram no hall até à hora de uma pequena reunião que decorreu no átrio do hotel onde os músicos trocaram impressões e acertaram os últimos pormenores acerca da actuação que iriam realizar .
Seguimos para o recinto da Queima, onde todos nos juntámos no camarim All Stars Band à espera que o espectáculo tivesse inicio (já estava atrasado umas horitas).
Aos Cool Hipnoise seguia-se Jorge Palma que aproveitou para dar uns passos de kizomba com Marga (vocalista da banda) na transição, terminando estes com Jorge Palma a acompanhá-los ao sintetizador no tema Dá-me.
Jorge Palma seguiu acompanhado pela banda residente aquecendo o público com a sua Rosa Branca, passando pelo Encosta-te a mim e terminando com Frágil na companhia da querida Lúcia Moniz.
Seguimos madrugada fora ouvindo os restantes artistas e esperando o final do concerto em que todos mais uma vez subiriam ao palco cantando os Parabéns à aniversariante “Queima de Coimbra”.
Após as despedidas iniciamos a nossa viagem de regresso, o relógio marcava as 5:55, o Sol erguia-se em Coimbra sobre a estrada longa, que enquanto houver, é certo que irá continuar.

Reportagem Fotográfica

video

terça-feira, maio 12, 2009

sexta-feira, maio 08, 2009

Queima das Fitas de Coimbra 2009

A Queima das Fitas de Coimbra, comemora no próximo sábado a noite dos 110 anos desta festa estudantil com um concerto especial denominado de All Stars Band, no qual junta em palco Lúcia Moniz, Cool Hipnoise, Boss AC, Sérgio Godinho e Jorge Palma.